quinta-feira, 20 de novembro de 2014

Maestro João Carlos Martins comanda alunos de EMEB em apresentação no Rudge Ramos

Maestro João Carlos Martins comanda alunos de EMEB em apresentação no Rudge RamosMúsica
Publicação:18/11/2014
Maestro João Carlos Martins comanda alunos de EMEB em apresentação no Rudge Ramos

Marcelo Dorador
da redação
Foto: Valmir Franzoi
Alunos da Escola Municipal de Educação Básica (EMEB) Professor Otílio de Oliveira, no Rudge Ramos, participaram na manhã desta terça-feira (18) de apresentação com o maestro João Carlos Martins e sua Orquestra Bachiana. O evento contou com a exibição de 35 alunos, dos 100 que participam do projeto "A Música Venceu", que é oferecido pela Fundação Bachiana, filarmônica com trabalho de musicalização em escolas e polos culturais.

Durante a apresentação, os alunos tocaram duas canções populares: a francesa "Frère Jacques" e "Brilha Brilha Estrelinha". O maestro se disse orgulhoso em conduzir as crianças. "Quando soube que a apresentação seria hoje, reorganizei toda a minha agenda para honrar meu compromisso com vocês. É pelas crianças e pela música que todo sacrifício vale a pena."

Martins conduziu ainda o "1º Movimento da Serenata Noturna de Mozart", "4º Movimento da Sinfonia Número 4" de Beethoven e se apresentou ao piano durante a execução de "Libertango", de Piazzolla. Em seguida a orquestra executou o coral "Jesus, alegria dos homens", da "Cantata 147", de Bach, a marcha americana "Estrelas e listras para sempre", de John Philip Sousa, e encerrou com o samba "Trem das Onze", de Adoniran Barbosa.

Para a mãe de aluna Conceição Mello, moradora do Rudge Ramos, a oportunidade de ver sua filha se apresentando foi emocionante. "A Prefeitura de São Bernardo sempre preza pela qualidade da Educação e de incentivo a projeto como esse, que é resultado de uma competição que a escola participou. Fico muito feliz em ter a oportunidade de participar desse tipo de apresentação e de ver minha filha aprendendo a tocar um instrumento tão bonito como o violino."

Já a aluna Beatriz Manocchio, de 8 anos, disse que nunca teve contato com instrumento musical antes de participar do projeto. Beatriz é uma das alunas que se apresentaram nesta terça-feira. "Pude aprender a segurar o violino, utilizar o seu arco, postura. Confesso que fiquei muito nervosa, porque é minha primeira apresentação, mas se puder, quero continuar a estudar esse instrumento."

A escola venceu o concurso "Reciclar é Show", que envolveu 100 escolas de todo o País, com a criação de instrumentos de sopro e percussão feitos de material reciclável. Oitenta alunos passaram a integrar o projeto "A Música Venceu", comandado pelo maestro, e ganharam como prêmio aulas práticas de violino e também os instrumentos, doados pela Fundação Bachiana. As aulas acontecem duas vezes por semana, na própria EMEB.

A aula inicial foi realizada no fim de abril. Além dos violinos, a unidade escolar recebeu prêmio de R$ 15 mil, revertido em projetos destinados a despertar a musicalidade nos alunos do Ensino Fundamental matriculados na escola, com idades entre 7 e 11 anos. As aulas de violino são aplicadas pelo professor Fellipe Moreira Santarelli, que integra a Orquestra Bachiana, comandada por Martins.

Para o professor Santarelli, ter a oportunidade de coordenar o curso na escola é motivo de orgulho. "Fico feliz em ver que nesses seis meses foi possível conseguir preparar os alunos para essa apresentação. São jovens que estão muito interessados e fazem o melhor para continuar participando do programa. Esse prazer pela música é o que nos motiva."


terça-feira, 18 de novembro de 2014

João Carlos Martins e Bachiana na EMEB Prof. Otílio de Oliveira


APRESENTAÇÃO DA ORQUESTRA BACHIANA


FOI LINDA A APRESENTAÇÃO DA ORQUESTRA BACHIANA SOB A REGÊNCIA DO MAESTRO JOÃO CARLOS MARTINS NA EMEB PROF. OTÍLIO DE OLIVEIRA!

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

10 DICAS PARA INCENTIVAR SEU FILHO A LER


Conheça atividades simples - e baratas! - que podem transformar seu filho em um pequeno grande leitor
01/11/2013 17:22
Texto Marina Azaredo

Foto: Nana Sievers
 Leitura desde cedo: incentive seu filho a ter amor pelos livros
"Foi assim: eu brincava de construtora, livro era tijolo; em pé, fazia parede, deitado, fazia degrau de escada; inclinado, encostava em um outro e fazia telhado. E quando a casinha ficava pronta eu me espremia lá dentro pra brincar de morar em livro." O relato é de Lygia Bojunga. Quando criança, ela fazia do livro um brinquedo. Já adulta, transformou-se em uma das principais escritoras brasileiras de livros infantis. A história de Lygia ilustra e comprova a teoria de que o contato com os livros desde cedo é importante para incentivar o gosto pela literatura.

Os benefícios da leitura são amplamente conhecidos. Quem lê adquire cultura, passa a escrever melhor, tem mais senso crítico, amplia o vocabulário e tem melhor desempenho escolar, dentre muitas outras vantagens. Por isso, é importante ler e ter contato com obras literárias desde os primeiros meses de vida. Mas como fazer com que crianças em fase de alfabetização se interessem pelos livros? É verdade que, em meio a brinquedos cada vez mais lúdicos e cheios de recursos tecnológicos, essa não é uma tarefa fácil. Mas pequenas ações podem fazer a diferença.

"O comportamento da família influencia diretamente os hábitos da criança. Se os pais leem muito, a tendência natural é que a criança também adquira o gosto pelos livros", afirma Rosane Lunardelli, doutora em Estudos da Linguagem e professora Universidade Estadual de Londrina (UEL). A família tem o papel, portanto de mostrar para a criança que a leitura é uma atividade prazerosa, e não apenas uma obrigação, algo que deve ser feito porque foi pedido na escola, por exemplo. "As crianças precisam ser encantadas pela leitura", diz Lucinea Rezende, doutora em Educação e também professora da UEL.

Para seduzir pela leitura, há diversas atividades que os pais e outros familiares podem colocar em prática com a criança e, assim, fazer do ato de ler um momento divertido. No período da alfabetização - antes dela e um pouco depois também -, especialistas sugerem que se misture a leitura com brincadeira, fazendo, por exemplo, representações da história lida, incentivando a criança a criar os próprios livros e pedindo que a criança ilustre uma história. "Para encantar as crianças pequenas, é essencial brincar com o livro", recomenda Maria Afonsina Matos, coordenadora do Centro de Estudos da Leitura da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb). Maria Afonsina também dá uma dica: nunca reclame dos preços dos livros diante do seu filho. "O livro precisa ser valorizado", diz ela.

Leia a seguir dicas para transformar o seu filho em fase de alfabetização em um pequeno grande leitor:
Para ler, clique nos itens abaixo:
1. Respeite o ritmo do seu filho
2. Siga o gosto do seu filho
3. Faça passeios que tragam a leitura para o cotidiano
4. Incentive a leitura antes de dormir
5. Improvise representações dos livros
6. "Publique" o livro do seu filho
7. Organize um clube do livro
8. Ajude-o a ler melhor
9. Não pare de ler para ele
10. Frequente livrarias e bibliotecas

Fonte:
http://educarparacrescer.abril.com.br/leitura/incentivar-leitura-624840.shtml#

Para fazer a inscrição na Biblioteca Malba Tahan, é necessário apresentar documento (RG, CPF, CNH ou Certidão de Nascimento) e um comprovante de residência atualizado.

Biblioteca Pública Municipal Malba Tahan
Rua: Helena Jacquey, nº 208 - São Bernardo do Campo - S.P. Rudge Ramos
Telefone: 4368 88 98 e 4368 10 10
Horário de funcionamento: segunda-feira à sexta-feira das 9h às 18h e sábado das 8h às 14h.